A primeira coisa que perdi

A primeira coisa que perdi quando fiquei doente foi o emprego. Recordo que foi uma fase muito complicada, sentia-me perdida sem rumo. Na altura trabalhava numa empresa de telecomunicações em loja. Acho que já lá estava à 4 anos! Tinha começado como lojista e fui devagarinho conquistando o meu lugar. Ler mais…

Os clientes têm sempre razão

Não! Os clientes nem sempre têm razão! Durante muitos anos trabalhei no mercado das telecomunicações, muito tempo mesmo! Tanto, que ainda sou do tempo da Telecel! Pré história! Sempre no atendimento ao público! Houve uma época que ainda trabalhei como administrativa/comercial, mas até nessa época tinha imenso contacto com o Ler mais…